Imprensa

Receba nossa Newsletter



Pesquisadores da SEAPDR sequenciam os primeiros genomas brasileiros do agente causador da anaplasmose bovina

01/07/2021 - Pesquisadores da SEAPDR sequenciam os primeiros genomas brasileiros do agente causador da anaplasmos

Pesquisadores do Instituto de Pesquisas Veterinárias Desidério Finamor (IPVDF), ligado ao Departamento de Diagnóstico e Pesquisa Agropecuária (DDPA) da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR) publicaram estudo em que apresentam pela primeira vez o sequenciamento completo do genoma de cepas brasileiras da bactéria Anaplasma marginale, agente causal da anaplasmose bovina. A enfermidade faz parte de um complexo de doenças popularmente conhecido como Tristeza Parasitária Bovina, que tem sido a principal causa notificada de mortalidade de bovinos no Rio Grande do Sul, causando prejuízos à pecuária gaúcha.

Segundo o pesquisador Bruno Dall’Agnol, um dos autores do estudo, a importância da descoberta está na possibilidade do desenvolvimento de vacinas e testes diagnósticos. “Atualmente, não há uma vacina comercial disponível no Brasil para anaplasmose bovina. O conhecimento das características específicas da anaplasmose no Brasil e no Rio Grande do Sul é fundamental para o controle da doença", destaca.

No estudo, os pesquisadores sequenciaram e compararam duas cepas de A. marginale, oriundas do Rio Grande do Sul e São Paulo, com bactérias de outros países como Estados Unidos e Austrália. Dall’Agnol aponta que as cepas brasileiras apresentam características únicas, fazendo com que formem um grupo genético específico diferente do que se observa em outros países. O trabalho foi publicado na Revista Brasileira de Parasitologia Veterinária.

O diretor do DDPA, Caio Efrom, salienta a importância da pesquisa dentro da Secretaria de Agricultura, atendendo demandas práticas das cadeias produtivas e alinhando a produção de conhecimento com a aplicação pelo Serviço Veterinário Oficial. "Esses estudos devem motivar diversos outros trabalhos sobre o tema e sobre prevenção e controle da anaplasmose no Rio Grande do Sul e no Brasil, principalmente no desenvolvimento de vacinas", avalia.

Tristeza Parasitária Bovina

Transmitido pelo carrapato, o complexo de doenças Tristeza Parasitária Bovina é responsável pela perda de 100 mil animais por ano no Rio Grande do Sul, segundo estimativas que levam em conta casos subnotificados, por não ser uma doença de notificação obrigatória. A TPB também causa prejuízos devido à anemia e redução no ganho de peso do rebanho, bem como redução na produção de leite. Segundo dados compilados nos últimos dez anos pelo DDPA, o final do outono e final da primavera concentram a maior parte dos casos de TPB no Estado.

 

Fonte: SEAPDR RS adaptação IHS Markit

Compartilhe:

Índice

Consultoria
Projetos que englobam aspectos socioeconômicos, mercadológicos, técnicos e comerciais da atividade agropecuária.
Business Intelligence
Estudos de pesquisas de mercado, análises setoriais e competitivas.
Palestras
Confira as últimas apresentações dos analistas da Informa Economics FNP sobre as diversas áreas e segmentos do agronegócio.
Publicações
Anuários, boletins e relatórios em português e inglês.
Quem Somos | Pecuária | Grãos | Açúcar/Etanol | Terras | Insumos | Anualpec | Agrianual | Imprensa | Consultoria | Business Intelligence | Palestras | Publicações
IEG FNP | Agribusiness Intelligence
Avenida Paulista, 726 – 17º andar – Bela Vista, São Paulo – SP - 01310-100
Tel.: + 55 11 4504-1414
e-mail: DL-Agribusiness-fnp@ihsmarkit.com
Copyright © 2020 IHS Markit. All Rights Reserved